Páginas

8 de out de 2009

A história do All Star


# A história do All Star começou em 1908, na cidade norte-americana de Maldens, Massachusetts. Foi lá que o empresário Marquis Mills Converse abriu a "Converse Rubber Show Company", empresa dedicada à produção de calçados de borracha. Em 1910, a empresa já produzia cerca de 4 mil pares de sapatos por dia. .

# Em 1917, a companhia desenvolveu uma linha de calçados esportivos feitos de lona e sola de borracha. Apaixonado por tênis esportivos, o jogador de basquete Charles "Chuck" Taylor juntou-se à companhia em 1921 e sugeriu duas mudanças fundamentais no design All Star: reforço no calcanhar, para melhorar o apoio do jogador, e fissuras no solado, para diminuir a derrapagem nas quadras...

# "Chuck" Taylor nasceu em 24 de junho de 1901. Ele atuou na liga estudantil de basquete e, na década de 1920, jogou pelos Original Celtics, Buffalo Germans e Akron Firestones. Contratado pelo executivo da Converse Bob Pletz em 1921, sua missão era rodar pelo país e convencer técnicos e jogadores a usar o All-Star preto de cano alto assinado por ele. Chuck vendeu All-Stars e treinou equipes de basquete por toda a sua vida. Aposentado em 1968, ele morreu de ataque cardíaco em 23 de junho de 1969, na Flórida. Até hoje, o modelo de All Star inventado pelo jogador é conhecido por "Chuck Taylor".

# Em 1939, a equipe do New York Rens venceu o campeonato nacional de basquete dos EUA usando All Star. A marca dominou as quadras até o final dos anos 70, quando foi vencida pela tecnologia de amortecedores da Nike. Em 2003, a Converse foi incorporada pela Nike.

# Durante a Segunda Guerra Mundial, a Converse modificou sua linha de produção e criou a bota "A6 Flying" para atender aos pés dos soldados americanos no front. Nos anos 60, os calçados tornaram-se comuns nos pés dos estudantes universitários que protestaram contra a Guerra do Vietnã.

# Em 1966, é lançado o modelo cano baixo do All Star, conhecido como "All Star Oxford". Já soberano entre os jogadores de basquete, em 1966 o tênis passa a ser produzido em mais cores, para combinar com as camisas dos times. Até então, o produto só era produzido em preto e branco.

# Ícone da moda, o tênis All Star foi utilizado por personalidades como o ator James Dean, a Princesa Diana e o roqueiro Kurt Cobain. No mundo da música, o All Star é onipresente desde a década de 60: George Harrison usou um par de All Star preto no último show dos Beatles, em 1969; os pés punks dos Ramones e Sex Pistols viviam enfurnados em All Stars, assim como os do vocalista do Joy Division, Ian Curtis. Mais recentemente, o tênis compôs o visual dos meninos do Strokes e da cantora Avril Lavigne.

# Nando Reis escreveu a música "All Star" para a cantora e amiga Cássia Eller. A música foi lançada na voz de Cássia no álbum póstumo "Dez de Dezembro", em 2002. A letra da música diz que "Seu All Star azul combina com meu preto de cano alto". Cássia Eller morreu em dezembro de 2001, no auge do sucesso.

# No cinema, os famosos calçados apareceram em clássicos como "Sonhos de um Sedutor"(1972), "Rocky: um Lutador" (1976), "Grease - Nos Tempos da Brilhantina" (1978), "Footlose" (1984), "Sin City" (2002), "Pequena Miss Sunshine" (2007) e "Juno" (2008).

# O líder da banda grunge Kurt Cobain sempre era visto com um par de All Star surrado nos pés. Como parte da comemoração do centenário da marca, foi lançada em 2008 uma edição especial, estampada com escritos e desenhos tirados do diário do cantor. Kurt Cobain cometeu suicídio em 5 de abril de 1994, aos 27 anos.

# O All Star é vendido no Brasil desde a década de 1980. Hoje, os modelos mais vendidos são os clássicos de cano baixo preto, branco e vermelho. Existem mais de 1.200 modelos à venda no país.

# Em 100 anos de existência, o All Star já bateu a marca de 1 bilhão de pares de tênis vendidos em 160 países.

# De acordo com a Forbes, o modelo de All Star mais caro à venda é o "Pintando Pasos", cuja estampa exclusiva é produzida por crianças da Vila Pinotepa de Don Luis, em Oaxaca, México. Utilizando técnicas tradicionais de pintura, as crianças produzem cerca de 80 pares por mês, vendidos nos EUA e na Europa numa faixa de 300 dólares o par.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Veja também

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...